TODOS OS POEMAS AQUI POSTADOS TÊM DIREITOS DE AUTOR. É EXPRESSAMENTE PROIBIDO COPIAR OU COLAR QUALQUER TEXTO AQUI EXPOSTO SEM A AUTORIZAÇÃO PRÉVIA DO AUTOR.

quinta-feira, 25 de novembro de 2021

INCAUTOS SUBMISSOS


Ouçamos o barulho do silêncio 

da constante e incómoda incerteza 

que nos invade, nos confunde e nos fere

e nos impede de ouvir, com clareza.


No meio do marasmo pertinente

onde a inércia sobe ao pedestral

nos dizem sem pudor e sem rodeios 

que o caminho é de um futuro, sem igual.


Os ditos salvadores da pátria 

que não têm sequer qualquer visão

julgam que são os donos da verdade 

impingindo sem pudor, sua versão. 


São cartilhas já gastas, sem efeito 

que insistem em nos dar, de mão em mão 

fazendo de nós, incautos submissos 

uma espécie de carne, para canhão.


Mário Margaride

24-11-2021



43 comentários:

  1. Palavras, estrofes e versos muito sentidos, sofridos e bem explícitos...
    É uma canseira ouvi-los repetir as suas doutrinas como se fossem exemplares!
    O amigo empregou muito bem a ironia como figura de estilo básica no seu testo
    em que a poesia brilha pela verdadeira sinceridade.
    Gostei muito de o ler.
    Saúde e dias animados e inspirados. Beijinho.
    ~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga Majo.
      Infelizmente assim é. Não há qualquer inovação nos dircursos destes políticos ultrapassados.
      Continuam a bombardear-nos com as mesmas ladainhas do costume, sem conseguirem convencer quem está atento à realidade do dia a dia. No entanto, conseguem arrastar muitos seguidores, que, quais rebanhos de carneiros, que os seguem e aplaudem cegamente.
      Ainda há infelizmente, muitos incautos, que se deixam enganar por estes vendedores de banha da cobra.
      Isto aplica-se, sem excepção, a todo o espectro político, da esquerda à direita.

      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixou
      É sempre um prazer, recebê-la aqui no meu cantinho.
      Continuação de dia feliz.
      Beijinhos, com carinho e amizade.

      Eliminar
  2. Bello y reflexivo poema . Te mando un beso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga!
      Muito Obrigado, pelas gentis palavras que aqui deixaste.
      Beijinhos, e continuação de ótima semana!

      Eliminar
  3. Hola Mario
    nuestros paises son diferentes
    pero la problematica es la misma
    Los que gobiernan infunden ( cuando les conviene) miedo en la gente
    y asi estamos prisioneros y hacen con nosotros lo que quieren
    nos dominan.
    Creo que cada persona debe usar su sentido comun, su inteligencia
    y aprender a discernir entre la realidad
    y la cantidad de falsas noticias que nos agobian
    Un poema real
    reflexivo
    doloroso
    Gracias por expresar tu sentir!!!
    Abrazo grande y que tengas una noche esplendida!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Eli!
      Assim é minha amiga. Infelizmente, isto é transversal a todos os países do mundo. Embora tenhamos uma arma importante nas nossas mãos, o voto. O problema, é a credibilidade dos políticos, que prometem tudo e nada fazem. Isso aplica-se à direita e à esquerda. Nós, o povo, muitas vezes estamos numa enorme encruzilhada, sem sabermos em quem confiar. Daí que, cada vez mais as pessoas optam pela abstenção. Enfim... Esperemos que este paradigma se altere.
      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixaste.
      Continuação de feliz dia e ótima semana!
      Beijinhos!

      Eliminar
  4. Quanta verdade há nesse seu poema, amigo Mário! Mas quem disse que os governos eleitos se preocupam com o povo? Nada disso! Vimos aqui, que no quarto mês do primeiro ano, que a preocupação já era com a reeleição, uma total frustração. Um desencanto infinito! E não tenho eu e milhões mais nenhum tipo de esperança de um outro posicionamento de candidatos. Foi muita ingenuidade mesmo, Mário.

    "Os ditos salvadores da pátria
    que não têm sequer qualquer visão
    julgam que são os donos da verdade
    impingindo sem pudor, sua versão."

    Um bom restinho de semana, amigo, aplausos!
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Tais!
      Infelizmente é a triste realidade que vivemos. E não só em Portugal, é transversal a todos os países do mundo.
      A única preocupação dos políticos é a sua eleição para chegarem ao poder. O resto não interessa. O povo só lhes interessa para os guindarem até ao poleiro. Depois esquecem que o povo existe. Há felizmente, raras excepções. Mas são mesmo muito raras.
      Mas é em todos os quadrantes, da esquerda à direita.
      Enfim...esperemos que o paradigma se altere.
      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixaste.
      Continuação de boa semana, amiga Tais.
      Beijinhos!

      Eliminar
  5. Quanta ração e sabiduría acho no seu magnífico poema, amigo Mario.
    Fartos de sermos enganados a gemte não comulga ja com promessas falsas e propaganda barata.
    Eu não acredito em nada que venha d@s políticos.
    Obrigada pela sua visita.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amiga Beatriz.
      Os políticos são como vendedores da banha da cobra, prometem tudo e nada fazem. O único objectivo é a caça ao voto. Sempre com o mesmo discurso, já gasto e desfasado da realidade.
      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixaste.
      Continuação de boa semana, com muita saúde.
      Beijinhos!

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Obrigado, amiga Maria, pelas gentis palavras que aqui deixou.
      Beijinhos, e continuação de ótima.

      Eliminar
  7. Infelizmente há muitos aldrabões na política. Os sérios são uma minoria.
    Excelente poema, os meus aplausos.
    Continuação de boa semana, caro Mário.
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amigo Jaime. Há mais aldrabões na política do que gente séria. É uma realidade que urge alterar.
      Muito Obrigado, caro amigo Jaime, pelas assertivas palavras que aqui deixou.
      Continuação de boa semana.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  8. Bom dia Mário,
    Um poema bem atual que reflete bem o que se passa nos meandros da política.
    Gostei bastante.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite Ailime.
      Muito Obrigado, pela visita e assertivo comentário que aqui deixou.

      Continuação de boa semana.
      Beijinhos!

      Eliminar
  9. Que lindos versos, sentidos que refletem a realidade que vemos todos os dias.

    Amigo, tenha um bom dia !
    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fátima!
      Assim é minha amiga.
      Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.

      Uma boa noite, e continuação de ótima semana!
      Beijinhos.

      Eliminar
  10. O teu poema transborda de verdade!!

    Te abraço, meu amigo, boa tarde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão minha amiga.
      Infelizmente, são estes o tipo de políticos que temos.
      Continuação de boa semana, amiga São.
      Beijinhos!

      Eliminar
  11. Felizmente podemos nos servir dos versos para externar nosso desagrado, cansaço das mentiras dos paladinos gos palanques. Há anos, muitos anos que nós eleitores estávamos passivos, aceitando a forma canalha de fazerem política. Deitaram e rolaram na corrupção, nadando em dinheiro público, impostos que nos são cobrados. Escândalos e mais escândalos. O pior é que muitos do povaréu sabem de tudo e é bem capaz de votar novamente na políticalha.
    Desabafei também, caro poeta Mário. Seu poema é excelente . Parabéns!!
    Beijo doce.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Lucia!
      É verdade. Temos pelo menos essa capacidade para manifestar o nosso descontentamento e desilusão, em relação aos nossos políticos através das palavras. Temos outro trumfo nas nossas mãos, o voto. No entanto, para podermos escolher bem, teríamos que outro tipo de políticos mais sérios e responsáveis, o que, na verdade, ou não existem, ou ainda sabemos muito pouco sobre eles.
      Enfim...esperemos que este paradigma mude.
      Muito Obrigado, minha amiga, pelas assertivas palavras que aqui deixaste.

      Continuação de boa sexta feira, e feliz fim de semana.
      Beijinhos!

      Eliminar
  12. Um poema forte, lúcido, muito pertinente, meu bom amigo, Mário!!! Infelizmente estamos cercados destes seres oportunistas, com discursos que seguem a onda do momento, de acordo com os seus próprios interesses e o povo, só sofre, fica sendo enganado, sem ter nenhum politico, nem partido que realmente tenham interesse pelo bem de todos.
    Parabéns pelo poema, amigo!
    Estou a te seguir também com este perfil, que é deste meu outro Blog, pois como tenho postado bem menos, alternando entre um e outro, deste modo, não perco, seus posts.
    Um abraço,
    Valéria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amiga Valéria.
      Como disse em cima, na resposta à nossa amiga Valéria, temos um trumfo nas nossas mãos, para mudar o paradigma, o voto. Assim ajam políticos mais sérios e responsáveis, embora saibamos, que os que estão na ribalta, não o são, infelizmente.
      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixaste.
      Sim, já tive a oportunidade de visitar o outro teu blogue, onde já deixei o meu comentário, e o estou igualmente a seguir.
      Continuação de ótima sexta feira, e feliz fim de semana!
      Beijinhos!

      Eliminar
  13. Mais um magistral poema. Obrigada pela partilha! :)
    -
    Existem silêncios que atropelam ...
    -
    Beijo e uma excelente tarde :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, amiga Cidália, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.
      Beijinho e ótima sexta feira!

      Eliminar
  14. Otro poema magistral Mario!

    Un abrazo y feliz noche

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, minha amiga, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.
      Beijinho e feliz fim de semana!

      Eliminar
  15. Aplaudo a frontalidade do poeta. Submissos, nunca!
    A política é uma sujeira e a maioria dos políticos são perigosamente incompetentes.
    Não percamos a esperança em melhores tempos.
    Amigo Mário, é poderoso este poema!
    Beijo, proteja-se bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga Teresa!
      Assim é minha amiga. Estamos num antentico lamaçal no que toca aos políticos. Todos querem é o poder a qualquer custo. Não têm pejo em continuamente prometerem, o que sabem que não vão cumprir. É o mero caça ao voto, em todo o espectro político, da esquerda à direita, é tudo igual.
      Infelizmente é a realidade que temos..
      Muito Obrigado, pelas assertivas palavras que aqui deixou.
      Beijinhos, e feliz semana!

      Eliminar
  16. Pura verdade gostei bastante do seu poema.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amiga Paula.
      Muito Obrigado, pelas tuas palavras.
      Beijinhos, e bom fim de semana!

      Eliminar
  17. you are 100% right...

    we are in deception world now days ....

    # Have a great day

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga!
      Infelizmente é a realidade que temos.
      Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.
      Beijinhos, e bom fim de semana!

      Eliminar
  18. Um poema belíssimo que põe nos seus versos verdades que o meu pensamento também partilha. Odeio política e cada vez mais a TV está desligada para não poluir o meu cérebro que já anda tão cansado.
    Um abraço 🤗

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Fanny!
      Seja bem vinda ao meu cantinho!
      É um prazer receber novos visitantes.

      Assim é cara Fanny. A realidade pura e dura dos nossos políticos. Só lhes interessa única e simplesmente caçar o nosso voto, para chegarem à cadeira do poder, o resto é conversa fiada.
      Muito Obrigado, pela visita e assertivo comentário que aqui deixou.
      Votos de um excelente fim de semana!
      Beijinhos!

      Eliminar

  19. Consegues dizer tanto em poesia, muita boa reflexão Mario
    Infelizmente podemos ver que não somos nada neste mundo hipócrita...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Lena.
      Infelizmente é a realidade dos nossos políticos.
      Muito Obrigado, pelas tuas palavras.
      Beijinhos, e bom fim de semana!

      Eliminar
  20. Oi meu amigo e poeta Mário gostei muito do poema falando a verdade ....
    Que as energias do Amor, do Bem
    e da Paz cheguem até você!
    Meu carinho e gratidão sempre !
    Bjinhos e um ótimo fim de semana💖🙏 🌷

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga Cris!
      Muito Obrigado, pelas simpáticas e gentis palavras que aqui deixaste.
      É sempre um grande prazer, ter-te aqui no meu cantinho.

      Te desejo um feliz de semana, com tudo de bom!
      Beijinhos, com carinho e amizade.

      Eliminar
  21. Olá Mário,
    Espero que esteja tudo bem consigo.
    Brilhante poema. Gostei imenso deste verso:
    "Os ditos salvadores da pátria
    que não têm sequer qualquer visão
    julgam que são os donos da verdade
    impingindo sem pudor, sua versão. "

    Fique bem, beijinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Isamar!
      Sim, está tudo bem comigo, obrigado. Espero que consigo também.
      Muito Obrigado, pela leitura e gentil comentário que aqui deixou.
      É sempre um grande prazer, recebê-la aqui no meu cantinho.
      Votos de uma excelente semana, com muita saúde!
      Beijinhos!

      Eliminar