TODOS OS POEMAS AQUI POSTADOS TÊM DIREITOS DE AUTOR. É EXPRESSAMENTE PROIBIDO COPIAR OU COLAR QUALQUER TEXTO AQUI EXPOSTO SEM A AUTORIZAÇÃO PRÉVIA DO AUTOR.

quarta-feira, 4 de agosto de 2021

QUE A ESPERANÇA VIVA EM MIM... PARA A ETERNIDADE


Fui árvore, tronco seco, giesta…

fui mar, tempestade, fui mendigo

perdido, andei, buscando abrigo

na imensa e atribulada floresta. 


Porém, não desisti, de te procurar 

pelo deserto imenso, eu andei…

por entre as dunas te procurei

mas não consegui te encontrar... 


Hoje sou cama, onde a esperança dorme

nada temo, e tenho um orgulho enorme

e guardo este amor em mim, com intensidade…


E na cama deitado às vezes choro…

sentindo esta emoção, imploro…

que a esperança viva em mim…para a eternidade


Mário Margaride 




34 comentários:

  1. Gostei do seu belíssimo poema de procuras e de esperança. A vezes a procura não ajuda e é melhor deijar que as cousas venham sem as procurar.
    Feliz semana.
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Beatriz!!
      A esperança é sempre a última a morrer. Mal de nós se a perdemos.
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.

      Continuação de ótima semana!

      Beijinhos!

      Eliminar
  2. Poema lindíssimo que me fascinou ler. Amanhã também escrevo sobre os sem abrigo.
    Sem dúvida um poema brilhante. Que essa desejada esperança nunca "morra" em seu coração poético.
    .
    Cumprimentos.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amigo Ricardo.
      Mal de nós se perdermos a esperança. É sempre a última a morrer.
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.
      Sim, já li e comentei o seu poema.
      Muito interessante.

      Continuação de ótima semana.

      Abraço amigo.

      Eliminar
  3. Nossa!! É um Hino à Esperança! Maravilhoso.
    Gosto muito desses poemas que buscam esperança, vida, emoções, sentimentos, tristeza e o social. Parabéns, meu amigo Mario!
    Beijinho, uma boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Tais!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.
      Assim terá que ser, minha amiga. A esperança é sempre a última a morrer. Se perdermos a esperança, perdemo-nos a nós próprios.

      Continuação de ótima semana!
      Beijinhos!

      Eliminar
  4. Mario mi amigo lindo, cuanto
    sentir hay en cada palabra
    que haz escrito, la fe es algo
    que nunca debemos de perder,
    el manana siempre es nuevo y algo
    bueno traerá.

    Besitos dulces

    Siby

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Siby!
      Muito Obrigado, pelas simpáticas e gentis palavras que deixaste.
      É verdade, querida amiga. A esperança, é a última coisa a morrer...

      Continuação de ótima semana!

      Beijinhos doces...

      Eliminar
  5. Olá, amigo Mário, gostei muito de ler este seu belo poema, que na sua ótima forma apresenta um conteúdo com o brilho de belas imagens para a nossa reflexão.
    Parabéns, caro poeta.
    Uma excelente continuação de semana,
    grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amigo Pedro!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário que aqui deixou.
      É sempre um grande prazer, a sua presença aqui no meu cantinho.

      Continuação de ótima semana!

      Abraço amigo.

      Eliminar
  6. La esperanza te da vida. Te mando un beso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga!
      A esperança é sempre a última a morrer. Se a perdemos...perdemo-nos de nós.

      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.

      Beijinhos!

      Eliminar
  7. Que a esperança nunca nos abandone.
    Maravilhoso poema
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim seja, amiga Maria.
      Nunca percamos a esperança...
      Muito Obrigado, pelo simpático comentário.

      Beijinhos, e continuação de ótima semana!

      Eliminar
  8. Bom dia, Mário!
    Um lindo poema, recheado de emoções. Adorei ler. Assim como você, também peço que a esperança nunca me falte. Acredito que a esperança está ancorada na fé. Assim, vamos com fé, impulsionar a esperança!
    Bjs
    Marli

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Marli!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.
      É sempre um grande prazer, recebe-la aqui no meu cantinho.

      Continuação de ótima semana!

      Beijinhos!

      Eliminar
  9. O que éramos nós se não tivéssemos esperança? LINDO!
    .
    Perco-me na doçura do teu sorriso
    .
    Beijo e um excelente dia
    Boas férias, se for o caso! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Cidália!
      Assim é minha amiga. Que seria de nós sem esperança?
      Muito Obrigado, pela visita e simpático comentário.

      Vou estando em férias.
      Boas férias para si também!

      Beijinhos!

      Eliminar
  10. Um excelente soneto,cheio de sensibilidade e muito bem construído.
    Uma autêntica perola!
    Gostei bastante!
    Continuação de uma boa semana.
    :)
    Saúde e muita paz é o que lhe desejo.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga Piedade!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.
      É sempre muito bem-vinda ao meu cantinho.

      Votos de ótimo fim de semana.

      Beijinhos!

      Eliminar
  11. Uma autêntica perola da natureza!
    Um abracinho, Mário!
    Megy Maia🌺🌻🌺

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Megy!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.

      Beijinhos e feliz sexta feira!

      Eliminar
  12. Oi meu amigo e poeta Mário simplesmente lindo o poema ,amei ler ...
    meu carinho e gratidão sempre muita luz para vc !
    Bjinhos🙏💖🌷

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amiga Cris!
      Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.
      Votos de uma excelente sexta feira, com muita alegria!

      Beijinhos carinhosos...😘❤️🎉

      Eliminar
  13. Boa noite de paz, Mario!
    A esperança tem me segurado e creio que a todos nesta Pandemia.
    Imagem ilustrativa que sugere muita energia.
    As lágrimas revelam sensibilidade e regam as palavras da poesia
    Tenha novos dias abençoados!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde, Rosélia!
      Assim é minha amiga. Nestes tempos difíceis, nunca percamos a esperança.

      Muito Obrigado, pela e gentil comentário.
      É sempre um grande prazer, recebe-la aqui no meu cantinho.

      Feliz dia de sexta feira!

      Beijinhos!

      Eliminar
  14. Oi Mário,boa forma de descrever o antes e o depois de uma vida.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Vall!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil.

      Beijinhos e bom fim de semana!

      Eliminar
  15. Maravilha!

    Também desejo essa esperança eterna... para ti e para mim...

    Tudo bom. Abraço, amigo.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  16. Assim seja minha amiga...para ti é para mim...

    Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixaste.

    Beijinhos, e tudo de bom, igualmente para ti.

    ResponderEliminar