quarta-feira, 23 de junho de 2021

DESVARIOS


No silêncio da noite... 

repousa cansado o nosso corpo

consumido pelo insano stress 

deste imenso mar de inquietações 


Nos braços aconchegantes do sono 

deixamo-nos transportar pela nossa mente

para o torpor dos nossos sonhos 

que se escondem e levitam

na quimera das fantasias 

no universo das ilusões 


No silêncio da noite... 

a mente se entrega e nos eleva

para o patamar mais alto

dos nossos desvarios 

e das nossas emoções. 


Mário Margaride 


28 comentários:

  1. No silêncio da noite, acabo de ler aqui um poema fascinante, lindíssimo, poeticamente encantador.
    .
    Cumprimentos poéticos
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, amigo Ricardo, pela visita e comentário.
      É sempre um prazer, recebê-lo aqui no meu cantinho.

      Abraço poético.

      Eliminar
  2. No silêncio da noite acontece de tudo, poeta Mario. Sonhos, fantasias, reflexões, além do descanso físico. É no silêncio da noite que os poemas acontecem. Assim, como o amor.
    Parabéns querido amigo poeta. Muito lindo seu poetar.
    Beijinhos ..........

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amiga poetisa. A noite, companheira dos nossos sonhos e fantasias.
      Obrigado, amiga Lucia!
      É sempre um grande prazer, ter-te aqui no meu cantinho.

      Beijinhos, querida amiga poetisa.

      Eliminar
  3. Hay mi amigo, en esos silencios,
    noctámbulos,las caricias hablan
    con los besos y nace tu poema de
    amor.

    Besitos dulces

    Siby

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, querida amiga Siby.
      Muito Obrigado pela visita e gentil comentário.
      É sempre um prazer enorme, ter-te aqui no meu cantinho...

      Beijinhos doces.

      Eliminar
  4. Viver sonhando ou cumprir os sonhos de uma vida, será sempre o nosso fado.
    Abraço amigo.
    Juvenal Nunes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amigo Juvenal.
      Muito Obrigado pela visita e gentil comentário.

      Abraço amigo.

      Eliminar
  5. No silêncio da noite que lindo cada vez mais amor os teus poemas são lindos um bjo😘🥰

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, amiga Sara. É sempre um grande prazer ter-te aqui no meu cantinho.

      Beijinhos e feliz quinta feira! 😘🌹

      Eliminar
  6. Olá Mário,
    Sábias palavras as suas neste poema fenomenal! Gostei imenso!
    Votos de um dia muito feliz!
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Isamar!
      Muito Obrigado pela visita e gentil comentário.
      É sempre um grande prazer, recebê-la aqui no meu cantinho

      Um Feliz Dia para si também!

      Beijinhos!

      Eliminar
    2. Que bom que se encontraram. Eu sabia que iriam admirar as obras mutuamente.
      Beijinhos a ambos.
      ~~~~~

      Eliminar
    3. É verdade. Já tive oportunidade de visitar e gostei do que li. Muito interessante a poesia da Isamar. E pelos vistos também apreciou a minha.
      Obrigada, pela dica deste espaço poético da Isamar.

      Beijinhos meus.

      Eliminar
  7. O silêncio na noite é o "palco de todos os Poetas" Amei...
    Obrigada pela visita
    Voltarei !:))
    .
    Numa saudade que só tu sabes a dor
    .
    Beijos, e um excelente dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Cidália!
      Seja bem vinda ao meu cantinho!
      Muito Obrigado, pela visita e gentil comentário.
      Será um prazer recebê-la, amiga poetisa.
      Volte sempre!

      Igualmente para si um excelente dia!
      Beijinhos.

      Eliminar
  8. Às vezes, no silêncio da noite eu choro baixinho...
    Lindo poema, amigo Mário. Mais um!
    Beijo, bom resto de dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade amiga Teresa. Há muitos silêncios ruidosos que não nos deixam dormir, e nos fazem chorar baixinho, como bem diz...
      Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixou.

      Beijinhos, e uma boa noite.

      Eliminar
  9. Assim é, estimado Mário.
    Poetizado com sensibilidade e talento.
    É um prazer ler os seus poemas românticos.

    Dias de verão muito agradáveis. Beijinhos.
    ~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, amiga Majo.
      É sempre um grande prazer, ter a sua presença aqui, deixando palavras muito gentis simpáticas.

      É verdade. Parece que o verão veio para ficar.
      Beijinho e boas férias!

      Eliminar
    2. Ainda ando por cá mais alguns dias. Beijinhos, amigo. 🍀🌞⛵🍧
      ~~~

      Eliminar
    3. Ah, OK. Pensei que já estivesse em férias. Beijinhos, amiga Majo. 😘👌🌹

      Eliminar
  10. Viva o silêncio da noite...

    Abraço, meu amigo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que assim seja, amiga São.

      Beijinhos, e ótima sexta feira!

      Eliminar
  11. O silêncio da noite invade o coração e as emoções.
    Lindo poema.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é amiga Maria.
      Muito Obrigado, pelas simpáticas palavras que aqui deixou.
      Beijinhos, e bom fim de semana!

      Eliminar
  12. Boa tarde, amigo Mário.
    Felizes os que no silêncio da noite, encontram a serenidade e a ilusão que a mente precisa para se elevar. Por vezes há um turbilhão de pensamentos inquietantes, que não nos deixa atingir essa plenitude.
    Comos sempre um belo poema que me fez refletir.

    Um beijinho, feliz e sereno fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde, amiga Fê.
      É verdade. Nem sempre o silêncio da noite é tranquilizador. Tem muitas vezes o reverso da medalha, perturbantes e turbulentos.

      É assim a nossa mente, complexa. Por isso mesmo, há noites de insónias inquietantes.

      Muito Obrigado, amiga Fê, pelas assertivas palavras que aqui deixou.

      Beijinhos, e feliz fim de semana, com muita saúde.

      Eliminar